Apego e desapego

Os apegos devem ser erradicados definitivamente para que possa conquistar a liberdade.

Os apegos só serão necessário até que descubra o que está por trás da mente, e possa desprender-se da ilusão.
Enquanto os apegos existirem, use-os como chamarisco, um petisco para bons propósitos.
Assim como um cão é adestrado oferecendo-lhe algo para comer, use os apegos para que sejam seu petisco para a liberdade, a luz e consolidação do bem.

Por exemplo, pode-se usar o apego a orações, mantras, desejar diariamente chegar o momento de sentar-se em silêncio e oração. Pode-se usar o apego para meditar, praticar yoga, qigong ou algo que eleve sua energia e desobstrua os obstáculos diários que os prendem a ilusão.

Quantos estão dispostos a substituir os apegos densos ou apegos supostamente sutis, até liberta-se de tudo? Quantos deixam de apegar-se a novela, futebol, discussões tolas sobre a vida alheia, apegos a filhos, familiares e amigos, que nada mais são que apenas companheiros de jornada, e não objetos ou posse de alguém?

Atrevo-me a dividir o apego em três faces. Primeiro a pessoa é apegada sem um propósito bom, apenas apega-se a tudo aquilo que ilusoriamente a trás algum prazer temporal. O segundo tipo é das pessoas que já tem alguma consciência sobre o assunto e aprendem que é preciso desapega-se, e enquanto está no processo, usa-o como incentivo para práticas que elevam a energia e abrem novos caminhos. E finalmente, a face onde o apego é erradicado, onde nem mãe, pai, amigo, filho, cachorro, afazeres, gurus, mestres, bens materiais ou energéticos podem prender a pessoa ou gerar um desejo desenfreado. Nessa última fase, a pessoa já não está limitada, mesmo estando na forma, a manter um foco achando que é apenas um ser humano que precisa de algo, ou ainda um ser espiritual que veio de outros planos e para lá irá voltar, compreende, mesmo de forma intuitiva, que é uma energia, uma consciência sem forma, sem origem ou fim, é parte do TAO infinito, e completamente mutável em suas faces pelos multiversos.


Desapego vem com o despertar da consciência, expansão da consciência, e virtudes maiores. Vem com a prática constante, com a vontade fiel de ser livre, e viver em paz.


Paz e Luz!
Terry
Comments